Encontro de Turismo da Unigranrio reúne personalidades brasileiras e portuguesas das áreas pública, privada, sociedade civil e universidade

Assessor de imprensa da Unigranrio: Alberto Corona, Email: imprensa@unigranrio.com.br

Rio de Janeiro, RJ. BRA

Encontro de Turismo da Unigranrio reúne personalidades brasileiras e portuguesas das áreas pública, privada, sociedade civil e universidade

Inovação e empreendedorismo formam o binômio para destravar o engessamento do turismo causado pela pandemia. Nos dias 26 e 27 deste mês, das 14h às 17h, a Unigranrio promove o ‘III encontro de inovação e empreendedorismo em Turismo’, on-line e gratuito, com apoio da Faperj e presença de 22 instituições e 29 palestrantes. O Núcleo de Pesquisa em Turismo da Unigranrio (NPTU) programou três painéis diários, além de tempo para debates: ‘Desafio no Turismo’, ‘Ecossistema do Turismo’, ‘Inovação de forma Integrada’ (dia 26); e Retomada do Turismo, Redes de Empreendedorismo e Transformação Digital (dia 27). O objetivo central do evento é proporcionar maior interação entre os diversos atores da área turística e, ainda, debater soluções e tendências para esse setor – sobretudo nesse período de pandemia -, com empresários, gestores públicos, pesquisadores e representantes da sociedade civil do Brasil e Portugal. Participe dos eventos, conforme os links abaixo. Inscrições gratuitas: https://www.sympla.com.br/iii-encontro-de-inovacao-e-empreendedorismo-em-turismo__1167377

Ou https://www.instagram.com/npturunigranrio/?igshid=6iqralwjf6za

26/05/2021   https://tinyurl.com/Dia-26-05—4HT

27/05/2021   https://tinyurl.com/Dia-27-05—4HT

Conheça alguns dos palestrantes já confirmados:

Conheça alguns dos palestrantes já confirmados:

Do Brasil:

Daniel Nepomuceno (secretário-executivo do Ministério do Turismo), Otávio Leite (deputado federal e membro da Comissão de Turismo), Marcos Neme (assessor da diretoria de Tecnologia da Faperj e coordenador-geral do Programa Startup-Rio), (Maurício Guedes (diretor de Tecnologia da Faperj), Claudine Bichara (gerente de Geração de Recursos da Embratur), Antônio Alvarenga (diretor-superintendente do Sebrae-RJ) e Júlia Zardo (gerente de Ambientes de Inovação da Firjan);

De Portugal: Ivan Ferreira (Relações Institucionais do Fórum Turismo Portugal), António Marto (presidente da Direção Fórum Turismo Portugal).

Deputado federal Otávio Leite, ex-secretário estadual de Turismo do Rio de Janeiro, participa desse Encontro. O parlamentar abordará sobre emenda apresentada por ele à MP, com objetivo de enquadrar o turismo receptivo como agente exportador

Ele aproveitará para  debater sobre o trabalho da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, que discutiu sobre a modificação da medida Provisória 1040/21, que trata da facilitação do comércio exterior, para que classifique o turismo receptivo como atividade exportadora. A emenda apresentada  por ele à MP pretende enquadrar o turismo receptivo como agente exportador. Outro ponto dessa emenda isenta de Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) as remessas de recursos ao exterior destinadas à promoção do turismo feitas pela Embratur e agentes privados. Espera-se que, com essa emenda do Deputado Otávio Leite, haja redução de custos da agência na promoção do Brasil, algo em torno de 18%.

Marcos Neme, assessor da diretoria de Tecnologia da Faperj e coordenador-geral do Programa Startup Rio, vai participar desse Encontro no Rio para demonstrar, entre outros, como essa nova tecnologia tem acelerado o empreendedorismo na era digital. Veja a seguir o que ele tem a dizer sobre esse evento de inovação, movido por pesquisas de mestres e doutores. Acesse o vídeo abaixo

Veja abaixo o vídeo sobre o Encontro

Deborah Moraes Zouain

Deborah Moraes Zouain, coordenadora do Núcleo de Pesquisa em Turismo da Unigranrio, é uma das pesquisadoras mais importantes do Brasil na área de Turismo. Ela explica que “é preciso desenvolver o turismo de forma responsável e integrada com a academia, empresários, setor público e a sociedade civil” 

Paola Lohmann

Paola Lohmann, Pesquisadora do Núcleo de Turismo da Unigranrio, é uma das organizadoras desse Encontro: “crises podem desencadear novos modelos de negócios e desenvolvimento de trajetórias não previstas

Segundo Paola Lohmann, Pesquisadora do Núcleo de Turismo da Unigranrio, “há necessidade de se investir em desenvolvimento de projetos conjuntos, com maior aproximação da academia com o mercado e vice-versa, em ações integradas, investimentos em empresas juniores, incubadoras e startups em turismo, que são ecossistemas que também fomentam inovação e empreendedorismo. A literatura aponta que crises podem desencadear novos modelos de negócios e desenvolvimento de trajetórias não previstas, provocando mudanças de comportamento e transformação de padrões de consumo. O turismo é uma atividade interdisciplinar que precisa se aproximar de diferentes áreas de conhecimento, tais como saúde, mobilidade urbana, cultura, artes e economia criativa”.

Paola Lohmann conclui que a 'virada de chave' no turismo deve ser de forma integrada e com olho na inovação

“O mundo está passando por uma crise sanitária, econômica, social e de várias ordens. Mas essa crise pode instituir um novo começo, entendendo que cada território terá um tempo de resposta à crise. Antes da pandemia, ao visitar um atrativo turístico, a lotação de pessoas não era uma preocupação para turistas, mas que, neste momento, 81% deles levam em conta problemas de aglomeração e superlotação em ambientes diversos. Os produtos e serviços turísticos devem ser direcionados para visitantes, turistas e residentes. O carioca, por exemplo, precisa conhecer mais a sua própria cidade. É preciso investimentos de fomento para inovação em turismo, capacitação, formação e pesquisa. A Unigranrio vem trabalhando com excelência na formação de seus alunos”.

Veja a programação completa

Comentários